'Big science' amplia o entendimento da importância da Amazônia para o clima global

Ecóloga Susan Trumbore fará palestra sobre balanço de carbono na floresta durante evento na Unicamp

 

 

Entender como florestas captam e fixam o gás carbônico (CO2) da atmosfera é importante para enfrentar as mudanças climáticas. Segundo a ecóloga Susan Trumbore, estudos em larga escala, também chamados de big science, têm aumentado o entendimento da importância da Amazônia para o clima global. Esse é o tema que ela irá abordar na conferência Três décadas de pesquisa da relação floresta-interações atmosféricas na Amazônia: da ABLE a ATTO, a ser realizada em 21 de agosto, às 9 horas, no Centro de Convenções da Unicamp. A palestra integra a programação do evento 2ª Rabeco & 6º SET.

"Meu foco será no pedaço do quebra-cabeça onde eu e meus colaboradores mais temos contribuído ao longo dos anos: os processos que determinam o balanço de carbono na Amazônia", diz Trumbore . Ela é uma das fundadoras do Departamento de Ciência de Sistemas da Terra na Universidade da Califórnia em Irvine e é diretora do Instituto Max Planck de Biogeoquímica, na Alemanha.

Em seu trabalho, Trumbore investiga algumas das curiosidades que a acompanham ao caminhar por uma floresta. "Sempre me pergunto: Quantos anos tem essa árvore? Quantos anos teria o carbono liberado se essa floresta fosse queimada?", conta. A cientista usa a datação por radiocarbono para determinar como o carbono é fixado pelas árvores e quanto tempo ele leva para transitar pelos ecossistemas. Esses dados são importantes para entender os fatores que influenciam a degradação e a recuperação da floresta tropical.

 

2ª Rabeco & 6º SET

O evento 2ª Rabeco (Reunião da Associação Brasileira de Ciência Ecológica e Conservação) e 6º SET (Simpósios de Ecologia Teórica) ocorrerá entre 19 e 22 de agosto na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas). A programação completa pode ser consultada no site www.rabecoset2018.com.br.

O encontro é uma realização da Abeco (Associação Brasileira de Ciência Ecológica e Conservação) em parceria com o Instituto de Biologia da Unicamp e o Nepam (Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais), da mesma Universidade. São apoiadores: Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), Instituto Serrapilheira, INCT EECBio (Instituto Nacional de Ciência & Tecnologia em Ecologia Evolução Conservação da Biodiversidade) e Fundação Grupo Boticário.

------------------------------

Serviço:
2ª Rabeco & 6º SET
Quando: 19 a 22 de agosto de 2018
Onde: Centro de Convenções da Unicamp (Campinas, SP)
Mais informações: www.rabecoset2018.com.br | https://www.facebook.com/events/358312237993613/

Assessoria de imprensa:
Beatriz Guimarães
bz.guimaraes@gmail.com
19 98932-4141 (WhatsApp)